Canavieiras com sabor de Caranguejo

Cidade respirou o crustáceo no último final de semana com diversas opções gastronômicas

O caranguejo as suas mais diversas roupagens gastronômicas foi a grande estrela de um festival que aconteceu entre os dias 11 e 15 de outubro, em Canavieiras. Junto com os pratos feitos com o crustáceo, cerca de
20 atrações musicais também atraíram o público que garantiu a ocupação em 100% dos hotéis e pousadas da cidade.

 

No local, turistas de várias regiões do Brasil e de outros países, estudiosos, pesquisadores, chefs de cozinha foram atraídos pela iniciativa da prefeitura. O município é um dos
maiores berçários de caranguejo do Brasils, com um habitat de manguezal e Mata Atlântica bastante preservado.

 

De um lado os melhores chefs de cozinha ministraram aulas em praça pública, no espaço batizado de cozinha show, sempre com uma grande plateia, do outro, atrações musicais para todos os gostos. Entra as atrações musicais
que passaram por lá nestes cinco dias, estiveram Jau, Pablo, Filomena, Packanka, Sinho Ferrari e Kiko Salli.

 

A festa também deu espaço para
degustação de pratos típicos, feira gastronômica e de artesanato, workshops, palestras e concursos temáticos. O evento ocorreu em duas
áreas físicas da Cidade de Canavieiras. Parte na Praia, onde se montará o caranguejódromo, barracas credenciadas, palcos e competições.

 

Na outra, o centro histórico de Canavieiras, com os concursos de Miss Caranguejo e apresentações de receitas ao vivo. Nessa área, além de toldos e barracas, ainda estavam funcionando os bares e restaurantes credenciados
pela comissão responsável pela execução e procedimentos do Festival, um dos destaque foi o bar Frutos do Mar, que ficava em frente aos palcos das aulas.

 

Especialistas em gastronomia das Universidades estadual de Ilhéus, Vitória da Conquista e do Extremo Sul da Bahia participaram em oficinas temáticas
sobre as diversas formas de preparo do crustáceo.
Quem passou pela cidade experimentou pratos como bolinho de poã, poã a milanesa, poã recheada, casquinha de caranguejo, moqueca e caranguejo ao molho. 

Canavieiras tem um dos maiores habitat do caranguejo-uçá (Ucides cordatus) que vivem exclusivamente áreas de manguezal, sendo esse um ecossistema costeiro, de transição entre os ambientes terrestre e marinho, provendo
uma farta oferta de alimento e retém detritos, com sumária importância para a vida de várias espécies marinha e também para as que habitam a área de transição.

 

A cidade se destaca como uma das mais relevantes na culinária de peixes, mariscos e envolvidos dentre as cidades do litoral da Bahia. Uma variada oferta de produtos compõem os cardápios de bares e restaurantes do
município. Com caranguejo são feitos catados, moquecas, mariscadas, Paella, Caranguejo Cozido, Puãs Empanadas, saladas, tapiocas, pizzas, lasanhas e casquinhos, o famoso prato Cabeça de Robalo, de origem e exclusivo da culinária Canavieirense.

Foto: Daniele Coni e Genilson Coutinho

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *