IX FESTIVAL TEMPERO NO FORTE COMEÇA NESSA QUINTA(20)

Logo Tempero no Forte

IX FESTIVAL TEMPERO NO FORTE COMEÇA NESSA QUINTA, 20, TENDO COMO TEMA OS FRUTOS DO MAR

Consagrado como um dos principais eventos gastronômicos da Bahia, o Festival será realizado de 20 a 30 de novembro na Praia do Forte

Se existe um tema feito sob medida para o Festival Tempero no Forte, não poderia ser outro senão os frutos do mar! A fartura de mariscos, crustáceos e peixes da região instigou a criatividade dos chefs que participarão do evento, estimulando-os a criar pratos exóticos para o Festival que, pelo nono ano consecutivo, acontece no charmoso balneário de Praia do Forte, no Litoral Norte da Bahia, de 20 a 30 de novembro.

Para temperar a sua 9a edição, o Festival receberá 34 chefs renomados vindos de outros estados, de Salvador e da própria Praia do Forte. Entre os dias 20 e 23, os convidados colocarão a mão na massa prometendo surpreender com criações inéditas e ingredientes da culinária regional nos 22 restaurantes que participam do Festival.
Este ano, excepcionalmente, a programação da ‘Cozinha Show’, — um dos pontos altos do Festival, com aulas gratuitas e abertas ao público, ministradas por chefs estrelados da gastronomia brasileira —, será aberta nessa quinta-feira, 20, às 20h. Aproveitando o Dia da Consciência Negra, o paulistano Paulo de Oyá, um estudioso da culinária afro-brasileira, ministrará aula abordando o tema Cozinha Afro-brasileira – Receitas da Diáspora, apresentando, ao final, o prato Feijão Preto com Camarão Seco, Arroz de Nozes e Farofa Doce.
Já consolidado como um dos principais eventos gastronômicos da Bahia, o Tempero no Forte é realizado em paralelo ao Festival de Arte e Cultura, que já chega ao seu sexto ano, com atrações como o Mercado do Forte, Música e Cultura com Tempero e Arte com Tempero. A realização é de Tereza Paim, chef anfitriã e curadora do Festival, e Djanira Dias, da 2D Promoções e Eventos, com o apoio do Governo do Estado — através da Secretaria de Cultura e da Secretaria do Turismo —, Prefeitura de Mata de São João, Sebrae e Senac, desde a sua primeira edição..
“O Tempero tem vida própria e é feito com muitas mãos. Juntar criatividade e gastronomia com outras artes, cultura e entretenimento, respeitando os valores e tradições de uma comunidade, é sua receita de sucesso”, declara Djanira em consonância com a chef Tereza, que coloca a gastronomia também no patamar da arte.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *